• Tipo:
  • Gênero:
  • Duração:
  • Classificação média:

As múltiplas faces da H.U.M.I.

Um mergulho e evoluir junto com ele, porque é uma jornada de sabedoria feita por estágios.

Se o autoconhecimento da HUMI. não obrigasse as pessoas a desenvolver o raciocínio, teria um sucesso enorme e, em vinte anos, já seria conhecido como um produto de consumo popular, uma falsa solução pronta. Embora corra o risco deste tipo de autoconhecimento espiritual parecer óbvio na primeira impressão, já que hoje em dia quase tudo força esta aparência, há que fazer um mergulho e evoluir junto com ele, porque é uma jornada de sabedoria feita por estágios.

Tanto é assim que, à primeira vista, o enfoque lhe parecerá apenas místico e ritualístico. Isto poderá ocorrer, se você tiver a oportunidade de se aproximar da HUMI através de um Portal Lunar, Estelar, ou uma Salva Espiritual, ou um Momentum de Sintonia com as Forças da Natureza. Você irá descobrindo as causas de todos estes procedimentos e entendendo a razão oculta da existência deste aspecto existente nas obras de ‘O PADRÃO HUMI’; não do ponto de vista crédulo e inconsciente, mas de onde o raciocínio e a lógica assumem a responsabilidade dos fatos. Há uma razão de saúde para a energia nervosa e o cérebro concordarem com o lado místico e ritualístico da Academia de Autoconhecimento HUMI.

Entretanto, a sabedoria da HUMI não estaciona neste degrau. Ela avança do aspecto místico para o filosófico, a desenvolver uma dialética diferente, a abrir visões alicerçadas em princípios fundamentais, que respondem as nossas inquietações.

Em tal estágio, se descortina não só uma arte de viver bem; abre o campo de uma nova Psicologia, com eficiência terapêutica, comprovada com inúmeras pessoas; antes, inseguras e impedidas de progredir e, agora, estruturadas emocionalmente e conscientizadas: elas podem realizar a sua saúde física, mental e sentimental. Elas têm realizado este equilíbrio através de um entusiasmado e feliz aprendizado.

Se este desenvolvimento ficasse apenas nas esferas mística, filosófica e psicológica, já seria uma contribuição. Entretanto, ao avançar um pouco mais, se descobre: o autoconhecimento HUMI abraça também o que tem de melhor no pensamento científico; não na sua fragmentação em compartimentos especializados, mas na sua linha mestra: &mdash investigar, experimentar, provar.

E isto é tudo? Ainda não. Religião, Filosofia e Ciência representam na sabedoria da HUMI apenas o curso básico e as três juntas não resolveram o problema crucial da humanidade. Portanto, isto é velho, e ela avança do velho para o novo.

Este conhecimento básico é apenas um exercício supletivo de desenvolvimento do raciocínio, um preparo inicial para imunizar a mente humana do seu pior inimigo, a ignorância.

Realizar níveis elevados de despertar da consciência é a proposta essencial da Causa HUMI, e colher benefícios na vida pessoal são a tônica fundamental.

E então, sim, você supera este estágio e avança para a visão real que ela desvenda. Trata-se de uma nova maneira de compreender o ser humano, a vida, a morte, a natureza terrena e cósmica. Por esta razão, quando você perguntar o que vem a ser este conhecimento, você poderá perceber a dificuldade que o iniciante sente em dizer realmente do que se trata, porque na verdade se trata de tudo. Ou da nossa Totalidade.

Você pode dizer que não é possível um acervo de livros tratar de tudo, ainda mais com alguns livrinhos artesanais, no meio deste acerto, sem revisão gramatical e literária… A menos que fosse possível conhecer a fonte da origem da causa de todos os efeitos manifestados neste planeta.

Você pode ser impaciente ou ler sem se dar ao trabalhar de mergulhar para conhecer todas estas visões e âncoras fundamentais, pilares que apóiam o desenvolvimento do seu raciocínio para além do pensamento religioso, filosófico e científico. Existe algo mais, além disto? Sim.

Você pode saber o quanto a visão desta sabedoria é vasta, porque ela se atreve a apresentar a fonte da origem da causa de todos os efeitos. E não vai lhe dizer que a fonte de tudo é um demiurgo maniqueísta de barbas brancas que criou o mundo, e o bem e o mal.

Por isto, quando você se iniciar através do primeiro volume de ‘O PADRÃO HUMI’, não se iluda com o fato de ser uma canalização e apresentar “mensageiro” ditando mensagens e falando em nome do Senhor, porque não existe efeito sem causa. Há uma profunda razão de ordem psicológica no tocante ao inconsciente coletivo, para a Sabedoria HUMI iniciar falando “em nome do Senhor”.

Se você puder avançar neste conhecimento, terá ao final concluído um juízo e somente então, terá domínio sobre a verdadeira informação, aquela que não pertence ao domínio da linguagem verbal.

Quando você ousar se transformar através do autoconhecimento HUMI, os seus relacionamentos engessados no velho formalismo poderão se erguer com vozes de aplausos pela sua mudança positiva.

Você sairá da fase discursiva de afirmações e negações, e contribuirá com os seus relacionamentos, sendo exemplo de equilíbrio interior, levando para eles a alegria de um ser humano saudável em suas emoções, a clarificar em suas idéias uma solução e não um problema. Você aprenderá que o apelo emocional, método preferido da conversão alheia aos seus desejos e crenças, já pode ser abandonado. Você não foi convertido e, portanto, não precisa converter ninguém. Confie que, apesar do engessamento no formalismo, os seus relacionamentos amam você e, um dia, eles descobrirão que você está muito bem, progredindo e se realizando em todos os níveis; você se tornou uma bênção para a família, a sociedade, o mundo e a civilização. Sendo assim, se consuma e se realiza em você toda a Sabedoria HUMI. Você é uma solução no mundo.

Anterior

A melhor face é o equilíbrio, por dentro e por fora

Próximo

Os números da sua fortuna

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Role para cima